Definir configurações de gravação de câmeras - Security Center 5.9

Guia do Administrador do Security Center 5.9

series
Security Center 5.9
revised_modified
2020-01-20

A definição do modo de gravação (contínuo, havendo movimento etc.) ou a ativação de criptografia para as suas câmaras pode ser feita pela aba Gravação de cada câmera individual.

Antes de iniciar

Se você usar vários grupos de discos para armazenamento de arquivos, defina temporariamente o modo de gravação como Desligado e reative-o no final do processo para evitar criar os arquivos de vídeo no grupo de discos errado.

O que você deve saber

  • As configurações de gravação das câmeras afetam seu espaço em disco.
  • Configurações de gravação definidas na aba Gravação de uma câmera individual sobrescrevem as definições da aba Configurações padrão da câmera do Archiver.

Procedimento

  1. Na página inicial do Config Tool, abra a tarefa Vídeo.
  2. Selecione a câmera a ser configurada e clique na aba Gravação.
  3. Na página Configurações de gravação, selecione uma das seguintes opções:
    Herdar do Archiver:
    A câmera herda as configurações de gravação definidas para a função Archiver na aba Configurações padrão da câmera.
    Definições personalizadas
    A câmera usa suas próprias configurações.
  4. Na lista suspensa Modos de gravação, selecione um dos seguintes:
    Contínuo
    Grava continuamente. A gravação não pode ser interrompida pelo usuário ().
    Em movimento/Manual
    A gravação é desencadeada por uma ação (como Iniciar gravação, Adicionar favorito ou Disparar alarme) por meio de detecção de movimento ou manualmente por um usuário. Neste modo, o botão Gravar no Security Desk aparece de uma das seguintes maneiras:
    • Cinza () quando o Archiver não está gravando
    • Vermelho () quando está gravando mas pode ser interrompido pelo usuário
    • Vermelho com um cadeado () quando está gravando mas não pode ser interrompida pelo usuário (gravação com movimento ou alarme).
    Manual
    Grava quando disparado manualmente por um usuário. Neste modo, o botão Gravar no Security Desk aparece de uma das seguintes maneiras:
    • Cinza () quando o Archiver não está gravando
    • Vermelho () quando está gravando mas pode ser interrompido pelo usuário
    • Vermelho com um cadeado () quando está gravando mas não pode ser interrompida pelo usuário (gravação com movimento ou alarme).
    Personalizar
    A gravação é especificada por um agendamento personalizado.
    CUIDADO:
    Agendamentos de gravação do mesmo tipo (por exemplo, dois agendamentos diários) não podem ser sobrepostos, independentemente do modo de gravação configurado para cada um. Quando ocorre um conflito de agendamento o Archiver e as unidades de vídeo são exibidas em amarelo no navegador de entidades e emitem mensagens de alerta de entidades.
    Desligado
    A gravação fica desligada (), mesmo quando um alarme é disparado.
  5. Habilite Limpeza automática e especifique um período de retenção para vídeo gravado (em dias). Arquivos de vídeo mais antigos do que esse período são excluídos.
  6. (Opcional) Clique em Mostrar configurações avançadas e configure as opções avançadas.
    Gravar áudio
    Ajuste em Ligado para gravar áudio com o seu vídeo. Uma entidade de microfone deve estar conectada às suas câmeras.
    NOTA: Não é necessário que os dispositivos anexos pertençam à mesma unidade do codificador de vídeo. No entanto, para que a gravação de áudio funcione, garanta que o microfone pertence a uma unidade gerenciada pelo mesmo Archiver, com a mesma extensão Archiver, que o codificador de vídeo.
    Gravar metadados
    Ajuste em Ligado para gravar metadados com o seu vídeo.
    Arquivamento redundante
    Ajuste em Ligado para permitir que servidores primários, secundários e terciários arquivem vídeo ao mesmo tempo. Esta configuração só é efetiva se o failover estiver configurado.
    Tempo de gravação anterior a um evento
    Use o controle deslizante para definir a duração (em segundos) da gravação antes de um evento. Esse buffer é salvo sempre que começa a gravação, garantindo que o que quer que tenha iniciado a gravação também seja capturado no vídeo.
    Tempo para gravar após um movimento
    Use o controle deslizante para definir a duração (em segundos) da gravação após um evento de movimento. Durante esse período, o usuário não pode interromper a gravação.
    Duração inicial de gravação manual
    Use o controle deslizante para selecionar a duração (em minutos) da gravação quando for iniciada manualmente por um usuário ou quando a ação Iniciar gravação for desencadeada.
  7. (Opcional) Selecione sua opção de Criptografia.
    Nesse contexto, o vídeo refere-se a todos os tipos de mídia: vídeo, áudio e metadados.
    Nenhuma
    O vídeo não está criptografado.
    Em trânsito a partir de Archiver
    (Padrão) O vídeo é criptografado somente quando é transmitido do Archiver. O arquivo de vídeo não está criptografado. Todos os usuários que têm direito de acessar a câmera podem ver o vídeo criptografado. Não há necessidade de instalar nenhum certificado de criptografia. Use esta opção se o seu armazenamento de arquivos estiver protegido por firewalls.

    Você deve ativar a Comunicação segura no Media Router para que esta opção funcione.

    Esta opção tem as seguintes limitações:
    • Multidifusão a partir da unidade não é suportada.
    • Áudio transmitido de Security Desk suporta apenas o tipo de conexão TCP
    • Vídeo transmitido para monitores analógicos não é criptografado em trânsito
    • As transmissões com privacidade protegida não são criptografadas em trânsito
    • Compatibilidade com versões anteriores (Security Center 5.7 e anteriores) não é suportada:
      • Clientes no modo de compatibilidade não podem ver vídeo criptografado em trânsito
      • As funções Archiver auxiliar no modo de compatibilidade com versões anteriores não podem arquivar vídeo criptografado em trânsito
      • Os redirecionadores no modo de compatibilidade com versões anteriores não podem redirecionar vídeo criptografado em trânsito
    Em trânsito e em repouso
    O vídeo é criptografado depois de chegar ao Archiver, usando criptografia de fluxo de fusão. O arquivo de vídeos no disco também é criptografado. Se a unidade de vídeo suportar criptografia e estiver conectada por meio de HTTPS, o vídeo será criptografado de ponta a ponta.

    Para ativar essa opção, você deve instalar pelo menos um certificado de criptografia no servidor que hospeda a função Arquivador.

    O vídeo só pode ser visualizado de uma das seguintes formas:
    • Usando uma estação de trabalho com um certificado que corresponda a um dos certificados listados no Archiver. O acesso é restrito à estação de trabalho.
    • Usando um cartão inteligente com um certificado que corresponda a um dos certificados listados no Archiver. O acesso é restrito ao titular do cartão inteligente.

    Recomendamos essa opção quando o seu data center for gerenciado por terceiros.

    Esta opção tem as seguintes limitações:
    • Miniatura de vídeo e detecção de movimento com origem no Archiver não são suportadas.
    • A multidifusão com origem na unidade só é suportada se a unidade suportar criptografia.
    • Os vídeos criptografados na versão 5.8 e posteriores não podem ser descriptografados na versão 5.7 e anteriores
    DICA: A criptografia de vídeo e a proteção de privacidade podem ser combinadas.
    • Se a privacidade dos indivíduos capturados em vídeo for sua única preocupação, use a proteção de privacidade.
    • Se a privacidade dos seus dados for sua única preocupação, selecione uma das opções de criptografia de vídeo.
    • Se você precisa proteger a privacidade dos indivíduos e seus dados, você pode combinar proteção de privacidade e criptografia.
  8. Clique em Aplicar.