Sobre entidades federadas - Security Center 5.9

Guia do Administrador do Security Center 5.9

series
Security Center 5.9
revised_modified
2020-01-20

As entidades federadas são entidades importadas de sistemas remotos independentes do Security Center ou Omnicast™.

As entidades federadas não pertencem ao seu sistema local. Você pode exibi-las e manipulá-las no sistema local, mas não é possível alterar suas configurações nativas. No Config Tool, você pode facilmente identificar entidades federadas pela seta amarela que é sobreposta ao seu ícone de entidade (por exemplo, aqui está uma entidade de alarme federada — ).
NOTA: No Security Desk, a seta amarela não é exibida em entidades federadas.
As seguintes entidades federadas só se aplicam a um tipo de Federation™:
  • – Entidade de porta federada (somente Security Center Federation™)
  • – Entidade de elevador federada (somente Security Center Federation™)
  • – Entidade de titular do cartão federada (somente Security Center Federation™)
  • – Entidade de credencial federada (somente Security Center Federation™)
  • – Entidade de câmera virtual federada (somente Omnicast™ Federation™)

Quais entidades são federadas no Security Center

As seguintes entidades podem ser federadas a partir de um sistema remoto do Security Center:
Componente Entidades
Vídeo Câmeras e sequências de câmeras.
Controle de acesso Unidades de controle de acesso, portas, elevadores, titulares de cartões, grupos de titulares de cartões, credenciais, unidades de detecção de intrusão e áreas de detecção de intrusão.
LPR Unidades de LPR e unidades Genetec Patroller™.
Geral Alarmes, caixas registradoras, redes, áreas e mapas, zonas, comportamentos de saída e eventos personalizados.
Limitation: Mapas ArcGIS são federados apenas na versão 5.7 e mais recente. Se você federar um sistema mais antigo (5.6 em diante) isso torna o sistema federado com um mapa ArcGIS, você não poderá ver o mapa ArcGIS no seu sistema.
Funções, servidores, partições e outras entidades não listadas na lista precedente não serão federadas.
NOTA: Visitantes e grupos de visitantes são diferentes dos titulares de cartões e grupos de titulares de cartão e não são federados.

O que você pode fazer com entidades federadas no Security Desk

Você pode executar as seguintes operações em entidades federadas no Security Desk:
  • Visualizar vídeo ao vivo e de reprodução de câmeras federadas.
  • Adicionar marcadores, iniciar e parar gravações e exportar vídeos a partir de câmeras federadas.
  • Controlar câmeras PTZ federadas (exceto o bloqueio PTZ).
  • Ligar câmeras em matrizes CCTV usando câmeras virtuais federadas do Omnicast™ 4.x.
  • Visualizar, iniciar e interromper ciclo, empacotar e desempacotar sequências de câmeras federadas.
  • Receber, confirmar, adiar, encaminhar, iniciar e interromper ciclo, empacotar e desempacotar alarmes federados.
  • Visualizar e controlar plugins de ladrilhos federados.
  • Bloquear e desbloquear portas federadas.
  • Armar e desarmar áreas de detecção de intrusão federadas.
  • Armar e desarmar zonas federadas.

O que você pode configurar com entidades federadas

Você pode fazer as seguintes alterações em entidades federadas em seu sistema local:
  • Você pode atribuir IDs lógicas a entidades federadas. A ID lógica é um atributo local associado à entidade federada para identificá-la exclusivamente dentro do Federation™.
  • Você pode atribuir nomes de entidades locais a entidades federadas. Os nomes de entidade originais permanecem visíveis no Config Tool a fim de solucionar problemas.
  • Você pode atualizar os campos personalizados associados a entidades federadas. Campos personalizados são locais para o host do Federation™.
  • Você pode escolher quais eventos você deseja receber do sistema federado. Com base nesses eventos, você pode definir eventos causa-efeito para entidades federadas. As ações podem ser executadas no host do Federation™ ou no sistema federado.
  • Você pode visualizar seus relatórios de atividade e de trilha de auditoria no painel Relatórios.
  • Você pode controlar a visibilidade das entidades federadas para seus usuários locais usando partições.
  • Você pode configurar rastreamento visual para câmeras federadas de sistemas Omnicast™.
  • Você pode usar entidades federadas para configurar entidades locais, como anexar câmeras federadas a entidades locais ou usá-las para definir alarmes locais e sequências de câmera.

Limitações de entidades federadas

Não é possível fazer o seguinte com entidades federadas:
  • Você não pode alterar as propriedades de entidades federadas no sistema remoto. Você pode apenas sobrescrever certas propriedades, tais como o nome da entidade e o ID lógico, localmente no seu sistema.
  • Não é possível visualizar os campos personalizados definidos no sistema remoto. Os campos personalizados não são federados.
  • Ações realizadas em entidades federadas, tais como a armação de uma zona ou adicionar uma marcação a uma câmera, não estão registradas nas trilhas de atividades do sistema federado.
    NOTA: Existe uma exceção a essa limitação. As ações de Exportar vídeo estão registradas em ambas as trilhas de atividades. No host Federation™ (sistema local), o usuário que realizou a atividade está conectado como iniciador. No sistema federado (sistema remoto), o iniciador é o usuário Federation™ e o usuário que realizou a atividade no host Federation™ está conectado como o iniciador original. O registro de atividade remoto só funciona se o sistema federado estiver executando uma versão Security Center 5.7 ou mais recente.

Exceções para alarmes federados

Nem todas as propriedades de alarme são federadas. A maioria das propriedades pertencentes à exibição de alarme no Security Desk deve ser configurada localmente no host do Federation™.

As exceções para alarmes federados são as seguintes:
  • O agendamento do alarme segue a configuração original do sistema remoto. Como as entidades de agendamento não são federadas, o agendamento padrão Sempre é exibido em vez delas.
  • Prioridade do alarme:
    • Omnicast™: o valor original não é federado. Você pode configurá-lo (padrão=1) localmente no host do Federation™.
    • Security Center: o valor original é federado e não pode ser modificado.
  • O limiar de reativação é uma propriedade inerente ao alarme e não pode ser modificado.
  • O ciclo da entidade é uma propriedade local para o host do Federation™. É possível alterar sua configuração e isso não afetará o sistema federado.
  • O limiar de confirmação automática é uma propriedade inerente ao alarme e não pode ser modificado.
  • Criar um incidente na confirmação é uma propriedade local para o host do Federation™. É possível alterar sua configuração e isso não afetará o sistema federado.
  • O limiar de gravação de vídeo automática é uma propriedade inerente ao alarme e não pode ser modificado.
  • O vídeo gravado protegido é uma propriedade inerente ao alarme e não pode ser modificado.
  • A exibição de vídeo é uma propriedade local para o host do Federation™. É possível alterar sua configuração e isso não afetará o sistema federado.
  • Procedimento de alarme (URL):
    • Omnicast™: o valor original não é federado. Você pode configurá-lo localmente no host do Federation™.
    • Security Center: o valor original é federado e não pode ser modificado.
  • As entidades associadas ao alarme federado (câmeras, portas etc.) são propriedades inerentes ao alarme e não podem ser modificadas.
  • Os destinatários de alarmes devem sempre ser configurados localmente para o host do Federation™.