Diferenças entre níveis de ameaça e alarmes - Security Center 5.9

Guia do Administrador do Security Center 5.9

series
Security Center 5.9
revised_modified
2020-01-20

Existem diferenças importantes entre os níveis de ameaça e os alarmes, como por que eles são acionados, como eles são ativados e assim por diante.

A tabela a seguir destaca as diferenças entre níveis de ameaça e alarmes.

Características Alarme Nível de ameaça
Finalidade Oferece eventos localizados, como uma entrada forçada ou um objeto deixado sem vigilância em uma área pública. Lida com eventos generalizados que afetam uma área inteira ou todo o sistema, como incêndio ou tiroteio.
Privilégios de configuração
  • Config Tool
  • Modificar alarmes
  • Adicionar/excluir alarmes
  • Config Tool
  • Modificar níveis de ameaça
  • Adicionar/excluir níveis de ameaça
Ativação Normalmente disparada por um evento para ação. Também pode ser disparada por uma ação manual. Normalmente, configurado manualmente por um operador do Security Desk. Também pode ser disparada por um evento para ação.
Resposta do sistema na ativação A gravação começa automaticamente em câmeras associadas ao alarme. A lista de ação de ativação do nível de ameaça é executada automaticamente.
Método de notificação O ícone de alarme fica vermelho na bandeja de notificação do Security Desk.

Dependendo de sua configuração do Security Desk, a tarefa Monitoramento de alarmes pode ser colocada em primeiro plano.

O ícone de nível de ameaça fica vermelho na bandeja de notificação do Security Desk.

Quando um nível de ameaça está definido no nível do sistema, o fundo do Security Desk muda para a cor do nível de ameaça.

Destinatários Usuários do Security Desk configurados como destinatários de alarme. Todos os usuários do Security Desk.
Classificação do evento Alarmes são classificados de acordo com seu nível de prioridade (1=mais alto, 255=mais baixo). Os alarmes com prioridade mais altas são exibidos primeiro. Quando o nível de prioridade é o mesmo, o mais recente é exibido primeiro. Os níveis de ameaça são independentes um do outro. Somente um nível de ameaça pode ser definido em uma área em dado momento. O último nível de ameaça definido substitui o anterior.
Desativação Um usuário do Security Desk (destinatário do alarme) deve confirmar o alarme.

Alarmes também podem ser confirmados automaticamente pelo sistema após um atraso especificado ou quando a condição de confirmação é atendida.

Um usuário do Security Desk deve limpar manualmente o nível de ameaça ou definir um nível de ameaça diferente. Um nível de ameaça também pode ser apagado automaticamente usando um evento causa-efeito (Definir o nível de ameaçapara Nenhum).
Resposta do sistema na desativação O alarme confirmado é removido de toda a lista de alarmes ativos (tarefa Monitoramento de alarmes no Security Desk). A lista de ação de desativação do nível de ameaça é executada automaticamente.
Eventos relacionados
  • Alarme disparado
  • Alarme sob investigação
  • Condição de alarme apagada
  • Alarme confirmado
  • Alarme confirmado (Alternativo)
  • Alarme confirmado forçadamente
  • Nível da ameaça definido
  • Nível de ameaça apagado
Privilégios do operador
  • Security Desk (Aplicativo)
  • Monitoramento de alarme (Tarefa)
  • Relatório de alarme (Tarefa)
  • Disparar alarmes (Ação)
  • Colocar alarmes em espera (Ação)
  • Encaminhar alarmes (Ação)
  • Confirmar alarmes (Ação)
  • Security Desk (Aplicativo)
  • Definir o nível de ameaça (Ação)
O mesmo privilégio é usado para definir e eliminar os níveis de ameaça. Limpar um nível de ameaça é defini-lo para Nenhum.
NOTA: As ações de ativação e desativação do nível de ameaça são realizadas pelo sistema, independentemente dos privilégios do operador.
Ações exclusivas Nenhum.
  • Definir permissão mínima de segurança
  • Definir nível mínimo de usuário
  • Definir modo do leitor